Mais uma chance à Doux

Os 13 suinocultores gaúchos detentores de liminar, que lhes concede a posse das matrizes enquanto a Doux Frangosul não normalizar os pagamentos de lotes atrasados, decidiram, ontem, aguardar reunião com a empresa antes de ingressar com nova ação judicial para cobrança do valor devido. Eles possuem crédito que ultrapassa R$ 2 milhões junto à multinacional, que cede as fêmeas aos integrados em comodato. "Os produtores acharam melhor dar uma nova chance à empresa antes de partir para uma ação mais radical", avalia o presidente da Associação do Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (Acsurs), Valdecir Folador. A entidade informou que vai tentar agendar um novo encontro com a Doux nos próximos dias.
Enquanto o impasse não se resolve, a liminar da Justiça de Montenegro, emitida no final do mês passado, continua valendo, de acordo com Folador. Diante do pagamento atrasado há cinco meses, as fêmeas são a garantia de quitação da dívida para os suinocultores. Procurada pela reportagem, a Doux Frangosul não se manifestou sobre a liminar nem sobre um possível novo cronograma de pagamento aos integrados de aves e suínos no Estado.

Fonte: Correio do Povo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.