Mais ações contra o glifosato

Os processos envolvendo o glifosato aumentaram mais de 50% nos EUA desde o dia 10 deste mês, quando a Justiça da Califórnia decidiu que a Monsanto, que desenvolveu o produto, terá de indenizar em U$ 289 milhões um jardineiro que alega ter desenvolvido câncer após exposição ao herbicida. Ontem, em teleconferência, Werner Baumann, CEO global da alemã Bayer, que concluiu recentemente a compra da Monsanto, disse que os processos envolvendo o glifosato aumentaram de 5,2 mil para 8 mil nos EUA. "Vamos vigorosamente defender esse caso e outros que vierem", reforçou. As ações da Bayer caíram mais 1,77% ontem na bolsa de Frankfurt.

Krisztian Bocsi/Bloomberg

Por Kauanna Navarro

Fonte : Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *