Justiça abrirá negociação no RS

Pressionado por protesto de 200 agricultores que bloquearam os acessos ao Ministério da Justiça por mais de cinco horas na manhã de ontem, em Brasília, o ministro José Eduardo Cardozo recebeu lideranças e prometeu vir ao Rio Grande do Sul no dia 13 para instalar mesa de negociação sobre a desapropriação de terras com indígenas, produtores e Estado. E garantiu: enquanto houver negociação, nenhum produtor rural será tirado de sua terra. ‘Decidimos dar esse voto de confiança ao ministro para ver se as coisas se desenvolvem. Caso não as cumpra, vamos retomar as ações com mais ênfase’, garantiu a coordenadora da Fetraf-Sul, Cleonice Back. No RS, uma outra frente de produtores bloqueou o trânsito na ERS 126, no acesso a Sananduva. As manifestações ocorreram em função de sentença judicial que autoriza a Funai a executar demarcações do dia 11 ao dia 18 deste mês.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *