Joãozinho do passo certo

A presidente Dilma Rousseff pode sancionar até a próxima semana a emenda da medida provisória que taxa a importação de arroz e farinha de trigo de países do Mercosul. A medida reclamada pelos produtores e criticada pelas indústrias é polêmica. Não estão descartadas retaliações dos vizinhos. Mas a verdade é que o Brasil tem todo o direito de taxar esses produtos. A Argentina, por exemplo, vive criando barreiras aos produtos brasileiros.
Por que o Brasil tem de ser o joãozinho do passo certo? No caso do arroz, o cereal é produzido no Uruguai e na Argentina com custos bem menores, sofre menos tributação, e, quando vem para cá, raramente é para garantir o abastecimento do mercado (temos bons estoques do grão e exportamos pouco). Geralmente vem como contrapartida de acordos bilaterais, que envolvem as exportações brasileiras de automóveis e produtos industrializados para aqueles países. E só contribui para desorganizar o mercado interno.

Fonte: Zero Hora | OLHAR DO CAMPO | Irineu Guarnier Filho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *