Imea eleva cálculo de produtividade da soja em MT

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária revisou para cima o cálculo da produtividade da safra de soja 2013/2014, que está em plena colheita no estado. Com 10,6% da área colhida até o fim da semana passada, o rendimento passou de 52,8 para 53,4 sacas por hectare.

“Desta forma, 2,83 milhões de toneladas de soja já se encontram no mercado, sendo mais de 11% do total esperado, que é de 25,7 milhões de toneladas”, calcula o Imea.

O avanço de 4,9 pontos percentuais no trabalho de colheita na semana passada é o maior para esta safra. De acordo com os técnicos do instituto, as máquinas têm percorrido, em média 57,78 mil hectares por dia. O trabalho mais avançado está na região oeste de Mato Grosso.

A expectativa do Imea é a de que a soja colhida durante o mês de janeiro seja comercializada a um preço médio de R$ 52,69 por saca de 60 quilos. O valor é 4,8% maior que a registrada na mesma época no ano passado. Um movimento que deve ocorrer mesmo com a queda dos preços na bolsa de Chicago (EUA).

Na avaliação do instituto, o principal impulso positivo veio da cotação do dólar, que passou de R$ 2,03 para R$ 2,38 (+17%). “O produtor deve ficar atento às oportunidades, pois um dólar elevado é importante para que os preços da soja se valorizem, mas em contrapartida o custo de produção também acaba se elevando, podendo causar uma armadilha para a receita final da propriedade.”

Fonte : Globo Rural |