Helicoverpa armigera: MS “não está sob risco”

De acordo com o gerente de Defesa Vegetal da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), Félix Castro, o Mato Grosso do Sul “não está sob risco” da Helicoverpa armigera. Segundo ele, a praga teve controlada sua proliferação nesta safra, após causar grande prejuízos em anos anteriores.

Castro explica que esse resultado é fruto de um trabalho constante de monitoramento no campo e contato próximo com as principais instituições de vigilância de pragas no estado. São parceiras da Iagro neste trabalho entidades como a Fundação MS, a Fundação Chapadão e a própria Embrapa.

Por outro lado, o gerente da alerta que, em função do clima úmido (principalmente na região sul do estado), a preocupação é com a ferrugem asiática. A Embrapa está recebendo diversos alertas de focos da doença nas lavouras de soja do Mato Grosso do Sul. Além desse fungo, há preocupação também com o percevejo e a lagarta da falsa medideira.


Agrolink

Fonte:  Famasul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *