Grãos engordam exportações

image_thumb[4]

Principal commodity brasileira, a soja é o grão mais cobiçado por compradores mundiais que vão a Não-Me-Toque. Presidente do Centro de Negócios Nigéria-Brasil, Olúségun Michael Akinruli intermediou os contatos de três empresários africanos que vieram à Expodireto pela primeira vez.
– A nossa produção agrícola é muito pequena diante de uma população de 170 milhões de pessoas – disse Akinruli.
Desafiada também pela escassez de alimentos, a Sérvia encontrou no milho um mecanismo para aumentar as importações de soja, trigo e girassol.
– É um negócio de duas vias, que atende as demandas de cada país – explicou Dusan Prelevic, integrante de uma associação de produtores da Sérvia.
Com uma produção variada, sustentada majoritariamente pela agricultura familiar, a Cooperativa Agrícola Mista Nova Palma (Camnpal), na região central do Estado, chega ao mercado internacional por meio de trades de soja e arroz.
– Os embarques vêm crescendo a cada ano, o que nos incentiva a aumentar a produção e buscar novos mercados – aponta o presidente da Camnpal, Euclides Vestena, que participou de uma rodada de negócios pela primeira vez.

Fonte: Zero Hora |

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.