GR RESPONDE – Saiba como recuperar o pé de maracujazeiro desidratado

A planta pode se recuperar, desde que o coleto não tenha sido danificado e desenvolvido doenças

hortifruti_maracuja_maracujazeiro (Foto: Ernesto de Souza / Ed. Globo)

A planta de maracujá resiste bem ao transplante, mesmo que parte da raiz tenha sido danificada (Foto: Ernesto de Souza / Ed. Globo)

<strong>Há alguma solução para o meu pé de maracujá, que está secando depois que cortei um pedaço da raiz da planta quando fui tirá-la do vaso?

Fernando Andrade Neves, via Facebook

A planta de maracujá resiste bem ao transplante, mesmo que parte da raiz tenha sido danificada. Se houver uma desidratação inicial, a planta pode se recuperar, desde que o coleto (região de transição das raízes com o caule) não tenha sido danificado e desenvolvido doenças. Antes e depois do transplante, no entanto, o solo deve ser irrigado adequadamente. O suprimento de água é muito importante para evitar que o terreno atinja o ponto de murcha permanente – baixo nível do teor de umidade no qual a planta não consegue mais retirar água do solo, atingindo um murchamento irreversível. Com as raízes danificadas no transplante, esse cuidado deve ser ainda maior.

CONSULTOR: FÁBIO GELAPE FALEIRO, pesquisador em genética e biotecnologia da Embrapa Cerrados, CEP 73310-970, Planaltina (DF), tel. (61) 3388-9836, www.embrapa.br/fale-conosco

POR JOÃO MATHIAS

Fonte : Globo Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *