Governo federal e municípios acertam medidas para garantir abastecimento

Documento deve orientar prefeitos a ressalvar atividades essenciais ao trabalho dos caminhoneiros das medidas restritivas ao comércio

O Ministério da Infraestrutura (MInfra) vai atuar junto a entidades representativas dos municípios brasileiros para assegurar o transporte de carga e a livre circulação de mercadorias durante a emergência do enfrentamento ao Covid-19.

Em reunião nesta quarta-feira, 25, com a Confederação Nacional de Municípios (CNM) e representantes de prefeituras de todas as regiões do país, realizada por videoconferência, ficou acertado que o MInfra vai oferecer uma nota técnica e uma sugestão de minuta de decreto para orientar os prefeitos a ressalvar as atividades essenciais ao trabalho de profissionais do transporte, como oficinas, borracharias e restaurantes de beira de estrada.

A ideia é estreitar o diálogo com os prefeitos, a exemplo do que vem sendo feito com os estados, com a criação do Conselho Nacional dos Secretários de Transporte. O MInfra já conseguiu o consenso com os 26 estados e o Distrito Federal para garantir a livre circulação de cargas nas estradas e a manutenção de serviços essenciais. O Conselho também avança para, até esta quinta-feira, 26,, fechar o texto de um decreto regulamentando medidas no transporte rodoviário de passageiros.

DNIT – Outra preocupação do MInfra, que foi representado pelo secretário-executivo adjunto Rodrigo Cruz, é quanto ao trabalho de restauração e manutenção de rodovias, realizado pelo DNIT, que não pode ser interrompido no momento que grande parte das regiões do país enfrenta o período de chuvas.

O encontro foi coordenado pelo presidente da CNM, Glademir Aroldi. A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, também participou da reunião e destacou a preocupação com o escoamento da safra recorde de grãos que será colhida pelo Brasil nos próximos meses.

Fonte: Canal Rural