Governo estabelece cronograma

 Secretário Ivar Pavan apresentou balanço do Plano Safra 2011/2012<br /><b>Crédito: </b>  EDUARDO SEIDL / DIVULGAÇÃO / CP

Secretário Ivar Pavan apresentou balanço do Plano Safra 2011/2012
Crédito: EDUARDO SEIDL / DIVULGAÇÃO / CP

O Plano Safra Estadual 2012/13 começou a ser elaborado ontem. Neste segundo ano em que o Estado apresentará a política, a meta é elevar a participação setorial. As entidades têm até o dia 18 para encaminhar sugestões. "A crise ajuda a aprofundar a discussão e melhorar os mecanismos", destacou o vice-governador Beto Grill. Segundo Vicente Marques, da coordenação de Assessoramento Superior do Gabinete do Governador, a discussão e avaliação ocorrerão até o começo de junho para divulgação do Plano até o final do mesmo mês. O governo já tem alguns temas que serão tratados com o setor produtivo como a estiagem, com prioridade para ajustes na política de irrigação e unificação dos programas; a criação de uma linha de microcrédito rural e de um programa de aquisição de alimentos para abastecimento de instituições públicas. De forma preliminar, Fetag, Fetraf/Sul, Via Campesina, Farsul e Ocergs cobraram melhorias, dentre elas uma melhor articulação entre governos federal e estadual. O secretário de Desenvolvimento Rural, Ivar Pavan divulgou parcial do plano safra 2011/12. Entre julho e dezembro de 2011, houve oferta de R$ 8,4 bilhões, sendo R$ 7,5 bilhões bancos oficiais e cooperativas e R$ 807 milhões de recursos próprios do Banrisul.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *