Governo elabora novo programa

Lançado pelo governo estadual em abril de 2011, o programa de recuperação de solo está sendo revisado antes mesmo de sua implementação. A nova proposta, com metas mais modestas, deve ser concluída neste mês. O projeto inicial previa a correção de até 100 mil hectares com o uso de 500 mil toneladas de calcário, beneficiando 20 mil agricultores. Conforme o secretário da Agricultura, Luis Fernando Mainardi, a saída do governo federal determinou o redimensionamento. O Estado previa investimento de R$ 30 milhões, sendo R$ 15 milhões da União, R$ 10 milhões do Estado e R$ 5 milhões de prefeituras.
O superintendente do Ministério da Agricultura no Estado, Francisco Signor, explicou que nunca houve qualquer acordo formal ou convênio nesse sentido. Ele acredita que a parceria poderia produzir efeito eficaz, mas disse que somente ficou sabendo da existência do programa após o seu lançamento. Em janeiro, o ministério conveniou diretamente com 30 municípios, o que garantiu repasse de verba a fundo perdido para compra de calcário.

Fonte: Correio do Povo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.