Gisele Loeblein: Cotrijal ganha um novo marco

A cooperativa com sede em Não-me-Toque vai receber financiamento milionário do BRDE

É em meio à Expointer que mais um capítulo da história da Cotrijal, com sede em Não-Me-Toque, no norte do Estado, começa a ser escrito. Com a confirmação do financiamento de R$ 40 milhões do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) – via protocolo entregue ontem em cerimônia com a presença do governador Tarso Genro –, a cooperativa ganha um novo marco.

Os recursos serão utilizados para a construção de uma unidade de beneficiamento de sementes, com capacidade para receber entre 500 e 600 mil sacos por ano.

Uma área de cem hectares, no limite com Carazinho, já está sendo preparada para receber o parque industrial da Cotrijal.

Na estrutura. serão beneficiadas sementes de soja, trigo, cevada e aveia.

– Queremos atingir um novo mercado, agregando mais valor – afirma o presidente da cooperativa, Nei Mânica.

Para dar início à construção, falta apenas a liberação da licença ambiental.

A projeção de Mânica é de que em março de 2015 as primeiras sementes comecem a ser recebidas.

– É por meio da semente que vamos aumentar nossa produtividade. Com a unidade, vamos ter mais agricultores produzindo sementes – completa.

Com 5,3 mil associados e 1,2 mil funcionários, a Cotrijal promete avançar ainda mais, reforçando seu exemplo não só na região, mas também em todo o Estado.

Fonte: MDA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *