Futuro é incerto, diz a indústria

O Sindicato da Indústria de Laticínios e a Associação das Pequenas Indústrias de Laticínios consideram o futuro do setor lácteo, assim como de outros ramos da economia, como “incerto e preocupante”.

Em nota conjunta emitida ontem, as entidades ressaltam que, diante das consequências do coronavírus, o foco da indústria é manter as fábricas abertas e a captação normalizada, evitando perda de leite no campo, para abastecer o consumidor e manter pagamentos em dia ao produtor.

Também alerta que o preço de referência do Conseleite para pagamentos em maio, de R$ 1,35, retratava um momento atípico do início de abril, indicando que o uso desse valor agora levaria a uma margem de erro elevada.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *