Fumo gaúcho é analisado pela China

Começa hoje e irá durar 40 dias a pré-inspeção do tabaco processado na safra 2011/2012 no Rio Grande do Sul para exportação à China. Neste ciclo, devem ser embarcadas cerca de 60 mil toneladas para o mercado asiático. Desde que o trabalho de controle foi implementado, há oito anos, somente em 2005 houve a detecção da praga Peronospora tabacina, causadora do fungo denominado Mofo Azul, na etapa inicial de fiscalização.
Segundo o chefe de Sanidade Vegetal da superintendência Federal do Ministério da Agricultura no RS, Jairo Carbonari, a análise abrange 100% das cargas a serem embarcadas, com amostragem de 2% de cada um dos lotes.
Para evitar qualquer conflito comercial, o ministério acompanha todo o trabalho de coleta e a analise laboratorial na Universidade de Santa Cruz (Unisc) feito pela China. O superintendente do ministério, Francisco Signor, lembra que todas as etapas de produção no campo, processamento industrial e exportação são inspecionados pelo governo federal, garantindo, com isso, este importante mercado para o tabaco produzido no Rio Grande do Sul.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *