Frota própria – Por Bettina Barros | De São Paulo

A Amaggi, maior empresa de comercialização de grãos nacional, estuda adquirir frota própria de caminhões diante do estabelecimento de uma tabela de preços pré-fixados para o frete rodoviário, pelo governo federal. A companhia, assim, junta-se ao grupo de empresas que já se manifestaram no mesmo sentido no país, como Cargill e Copersucar. Em entrevista ao Valor, o CEO da Amaggi, Judiney Carvalho (foto), afirmou que a empresa cogita comprar entre 300 e 500 caminhões novos já para esta safra. A necessidade total da Amaggi é de cerca de 5 mil unidades para operar em toda a cadeia.

Divulgação

Fonte : Valor