Fraudador pode perder licença

Foi aprovado ontem, por unanimidade, na Assembleia Legislativa, o projeto de lei (PL) 156/2013 que prevê a cassação de licenças na inscrição estadual de empresas que forem flagradas em crimes de adulteração do leite. ‘Não estamos abrindo mão da receita do Estado’, pontuou a deputada Maria Helena Sartori. Nos moldes de medida relativa à adulteração de combustíveis, a proposta segue agora para a sanção do governador Tarso Genro, que terá 15 dias.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *