FINALIZADA MINUTA DO ESTATUTO DO IGL

As entidades apoiadoras do Instituto Gaúcho do Leite (IGL) devem receber, até amanhã, a minuta de estatuto elaborada pelas cooperativas da Organização das Cooperativas do Estado do Rio Grande do Sul (Ocegrs). Reunidas ontem com representantes da Associação das Pequenas Indústrias de Laticínios do RS (Apil), Fetag e Fecoagro, em Porto Alegre, o grupo chegou a um consenso sobre o texto de criação do instituto, idealizado para organizar a cadeia produtiva dos lácteos no Estado. ‘Queremos um quadro de associados com a cadeia bem representada para que seja um órgão de apoio’, justificou o consultor da Câmara Setorial do Leite, Oreno Ardêmio Heineck.

Pelo regimento do instituto, 50 entidades deverão compor a base de associadas. De acordo com Heineck, a intenção é que os órgãos públicos tenham participação minoritária. A representatividade no instituto é um dos pontos de divergência e, durante o processo, gerou questionamentos da Farsul e do Sindilat, que também são contrários ao fundo que será constituído após a criação do IGL.

Um nova reunião, desta vez mais ampla, será realizada até o final deste mês para finalizar o estatuto. Sindilat e Farsul serão convidadas a participar. A expectativa do setor é que a realização da assembleia geral de fundação do Instituto Gaúcho do Leite ocorra em meados de fevereiro.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *