Femagri 2013 apresenta novidades da mecanização para produtores de café

Feira, que será realizada de 13 a 15 de março, em Guaxupé (MG), vai lançar as novidades em maquinário, implementos e insumos agrícolas

Ver Descrição

Foto: Ver Descrição / Ver Descrição

Feira em Minas Gerais apresenta novidades do setor agrícola

Em menos de um mês, a Cooperativa de Produtores de Café de Guaxupé (Cooxupé) apresenta a 12ª edição da Feira de Máquinas, Implementos e Insumos Agrícolas (Femagri). O evento, que tem como tema “Manejo mecanizado, gerando resultados”, será realizado de 13 a 15 de março, em Guaxupé (MG).
Com 141 expositores, a feira tem como objetivo apresentar as novidades do setor de maquinário, implementos e insumos agrícolas para os cafeicultores da região.
– A maioria dos nossos cooperados é pequenos produtores. Por isso, desenvolvemos um evento para que eles e suas famílias possam conhecer o que há de novo e aplicar essas inovações na lavoura. Muitas vezes, o que o produtor aprende no evento, ele aplica um ano depois em sua propriedade – conta o presidente da cooperativa, Carlos Paulino da Costa.
Segundo José Geraldo Junqueira Filho, gerente de Desenvolvimento Técnico da Cooxupé, os visitantes terão a oportunidade de conferir diversas práticas para melhorar seu cotidiano, como a granelização de fertilizantes, benefício e preparo de café voltado ao pequeno produtor, adequação da propriedade à legislação de defensivos, destino correto de águas residuárias, fossa séptica, entre outros temas de relevância.
Na área de negócios, uma equipe de 40 vendedores e 12 agrônomos estará à disposição para responder as principais dúvidas e auxiliar nas transações comerciais com os produtores.
– A moeda de troca durante a feira, muitas vezes, é o café do nosso cooperado. Ele aproveita o valor da saca no dia para fechar um negócio como a compra de maquinário – conta José Geraldo.
A expectativa da cooperativa é de que o volume de negócios seja um pouco menor do que no ano passado – que totalizou R$ 70 milhões – devido ao momento cauteloso que o mercado de café vem passando. Ainda assim, José Geraldo afirma que “é de extrema importância que o produtor participe de eventos, pois terão acesso às novas tecnologias para mecanizar a sua lavoura, melhorando sua produtividade”.

RURALBR, COM INFORMAÇÕES DA COOXUPÉ

Fonte: Ruralbr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *