Federasul distingue ações inovadoras com o prêmio Vencedores do Agronegócio

Russowsky destacou valor da distribuição

Russowsky destacou valor da distribuição

A Federasul anunciou ontem os agraciados da segunda edição do prêmio Vencedores do Agronegócio, com objetivo de reconhecer ações inovadoras para o setor. A escolha foi feita a partir de 27 cases gaúchos, inscritos em sete categorias, divididas em três áreas: antes, dentro e fora da porteira. Além disso, receberão uma distinção especial o Banco do Brasil e o presidente da Celulose Riograndense, Walter Lídio Nunes. A cerimônia de entrega dos troféus acontece durante o Tá na Mesa, no dia 29 de outubro.
A comissão julgadora, composta por representantes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, do Senar-RS, do Tecnosinos, da Embrapa, da secretaria estadual de Agricultura e do Banco do Brasil, utilizou quatro critérios de seleção: criatividade e inovação, estratégia do negócio, ferramentas de marketing e resultados obtidos. “A intenção é contemplar toda a cadeia produtiva do agronegócio, mas, principalmente, estimular iniciativas que agreguem valor por meio da indústria de transformação”, explicou o presidente da Federasul, Ricardo Russowsky.
Além da indústria, Russowsky destacou a importância de uma categoria voltada à distribuição, tendo em vista a necessidade de melhoria da infraestrutura para escoamento da produção nacional. Nesse caso, a vencedora foi a LF Multimodalidade em Operações de Logística, de Farroupilha, por desenvolver processos de cabotagem com monitoramento on-line.

Fonte: Jornal do Comércio

ANTONIO PAZ/JC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *