Federalização da Cesa à espera de parecer

A história da Companhia Estadual de Silos e Armazéns (Cesa) terá capítulo decisivo na próxima semana, quando o Ministério do Planejamento deve divulgar parecer sobre a incorporação pela Conab. O futuro da estatal gaúcha, que tem 18 unidades e capacidade para 600 mil t, foi o tema central de reunião realizada ontem entre o presidente da Cesa, Márcio Pilger, e o secretário da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi. A costura é para que a negociação inclua não apenas os armazéns lucrativos, mas também ‘as carnes de pescoço’, pontuou Pilger.

Na semana que vem, o presidente da Cesa vai a Brasília para reuniões com o Ministério do Planejamento e a Conab. Há duas semanas, técnicos do Planejamento solicitaram relatório contábil da estatal. A dívida é de R$ 120 milhões, dos quais R$ 30 milhões com a União, R$ 30 milhões com o governo estadual e o restante com a iniciativa privada e prefeituras.

Ao mesmo tempo que encaminha a federalização, a Cesa procura reduzir sua dívida na Justiça. É o caso de passivos de R$ 10 milhões referentes a impostos devidos ao município de Rio Grande e de R$ 12 milhões devidos à empresa privada. Ambos tiveram sentenças favoráveis e podem ser reduzidos a R$ 500 mil.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *