Faturamento de MS com exportações cai 14,54% em 2015, aponta Mdic

 

Neste ano, MS exportou U$S 3,585 bi contra US$ 4,195 bi do anterior.
Soja, celulose, açúcar, carne e milho lideram ranking de exportações.

Pesquisa de Carla e Rayane identificou que a soja pode ajudar a prevenir alguns tipos de câncer (Foto: Anderson Viegas/Do Agrodebate)

Soja continua a liderar ranking de exportações em Mato Grosso do Sul, segundo o Mdic
(Foto: Anderson Viegas/Do Agrodebate)

O faturamento de Mato Grosso do Sul com as exportações caiu 14,54% no acumulado de janeiro a setembro de 2015 em comparação com o mesmo período de 2014, recuando de US$ 4,195 bilhões para US$ 3,585 bilhões, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic).

De acordo com o ministério cinco produtos do agronegócio ou que utilizam matérias-primas produzidas pelo segmento lideraram o ranking de exportações do estado. Juntos eles representaram 74,72% de toda a receita sul-mato-grossense com essas operações, o equivalente a US$ 2,685 bilhões.

A soja liderou a listagem com um faturamento de US$ 1,222 bilhão (34,01% do total). Na sequência aparecem: celulose, com US$ 727,188 milhões (20,23%); carne desossada e congelada de bovinos, com US$ 262,104 milhões (7,35%); açúcar, com US$ 255,449 milhões (7,11%) e o milho em grãos, com US$ 216,551 milhões (6,02%).

saiba mais

Destes cinco produtos, o Mdic aponta que os três primeiros da listagem registraram queda no faturamento nestes nove meses de 2015 frente ao mesmo intervalo de tempo de 2014. Para a soja a redução na receita foi de 0,54%, para a celulose de 8,52% e para a carne de 41,65%. Em contrapartida, para os outros dois produtos do top cinco houve incremento no resultado financeiro das operações. Para o açúcar o crescimento foi de 2,29% e para o milho de 69,47%.

O levantamento do ministério destaca ainda que nestes nove meses de 2015, a China continuou a ser o principal parceiro comercial de Mato Grosso do Sul. Foram exportados para o país asiático US$ 1,441 bilhão em produtos, o que representou 40,10% de toda a receita do estado com as vendas externas.

Depois da China, outros países que aparecem com destaque na listagem são: Itália, com US$ 202,837 milhões em compras de itens sul-mato-grossenses; Argentina, com US$ 171,485 milhões; Holanda, com US$ 149,696 milhões e Vietnã, com US$ 111,384 milhões.

Anderson ViegasDo G1 MS

Fonte : Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *