Evento virtual servirá como teste para futuro da Expointer

Mostra contará com julgamentos e provas transmitidas pela internet

A Exposição de Animais de Esteio, que acontecerá de 26 de setembro a 4 de outubro no Parque Assis Brasil usando recursos tecnológicos para ser realizada da maneira predominantemente virtual, servirá como experiência para modificações nas próximas edições da Expointer (evento cancelado neste ano por causa da pandemia do coronavírus). O secretário da Agricultura, Covatti Filho, adianta que a ideia é que a futura Expointer tenha um caráter presencial, mas que disponibilize a quem quiser a possibilidade do seu acompanhamento de forma remota.

"A gente entende que esse novo jeito de se fazer uma exposição vai perdurar, queremos perpetuar para que o ano que vem tenhamos a oportunidade de ter todo o ambiente da Expointer também de modo virtual", frisa Covatti Filho. O dirigente acrescenta que todo mundo está revendo os seus planejamentos, então é preciso fazer uma adaptação na maior feira do agronegócio da América Latina.

Sobre a exposição que será realizada em setembro e que homenageia os 50 anos do Parque Assis Brasil, o secretário diz que ainda está sendo estudada a forma para difundir o evento. Além da Secretaria da Agricultura, o acontecimento conta com o apoio da Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac), da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) e da Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul).

Por enquanto, não foi "batido o martelo" sobre como será feita a transmissão, de que maneira será realizada a filmagem, qual será a plataforma utilizada, entre outros pontos do projeto. A perspectiva é que antes da metade de agosto já se tenham essas definições. Covatti Filho enfatiza que, com exceção de criadores, equipes de filmagem e outros profissionais, a ideia é que o evento seja totalmente virtual, sendo restrito o acesso. Os juízes que avaliarão as provas de equinos, por exemplo, estarão no local, no entanto os leilões serão feitos virtualmente. O secretário afirma que serão estabelecidos protocolos de controle de saúde e ações que evitem ao máximo aglomerações.

O regulamento completo do evento deve ser divulgado até o dia 7 de agosto. Uma nova reunião com as entidades que pretendem participar da exposição deverá ocorrer entre os dias 10 e 14 de agosto. Os julgamentos e provas de equinos terão sua programação, entrada de animais, provas e julgamentos em datas e horários fixados e divulgados pelas respectivas entidades em comum acordo com os organizadores.

CRITÉRIOS PARA A INSCRIÇÃO DE ANIMAIS Bovinos, Ovinos e outras espécies Serão realizadas no sistema da SEAPDR Prazo para indicação de operadores do sistema de inscrição: 15/08 Prazo final para inscrição de ovinos: 31/08 Prazo final para inscrição das demais espécies: 10/09 A programação técnica, com exceção dos equinos, deverá ser realizada em dois turnos 1º turno 50% das associações participantes ? 26/09: Entrada dos animais ? 27/09: Pesagem de ovinos e bovinos (julgamento de admissão) ? 28/09: Julgamentos – manhã e tarde ? 29/09: Desfile dos grandes campeões (manhã) e saída dos animais (tarde) 2º turno: Demais 50% das associações participantes ? 30/09: Entrada dos animais ? 01/10: Pesagem de ovinos e bovinos (julgamento de admissão) ? 02/10: Julgamentos – manhã e tarde ? 03/10: Desfile dos grandes campeões (pela manhã) e saída dos animais (a tarde) ? 04/10: *Encerramento.

Fonte: Jornal do Comércio

Compartilhe!