EUA devem propor corte de 30% nas emissões de carbono do setor de energia

A Agência de Proteção Ambiental dos EUA deve liberar nesta segunda uma proposta para cortar em 30%, até 2030, as emissões de carbono nas instalações de geração de energia do país, em comparação com níveis de 2005.

Charlie Riedel – 8.mar.2014/Associated Press

Jeffrey Energy Center, complexo movido a carvão, nos EUA

Jeffrey Energy Center, complexo movido a carvão, nos EUA

Se confirmadas, as regras propostas serão as ações mais fortes já tomadas pelo governo americano para combater as mudanças climáticas.

As mudanças poderiam provocar uma transformação na geração de energia nos EUA, que têm muitas usinas a carvão, consideradas as grandes vilãs nas emissões de gases de efeito estufa.

Embora o projeto ainda precise ser confirmado, ambientalistas comemoraram a decisão. Especialistas, no entanto, alertam para uma possível "guerra" entre Estados com usinas a carvão e a administração federal.

Em seu primeiro mandato, Obama não conseguiu passar uma lei sobre aquecimento global no Congresso.

Fonte: Folha

DE SÃO PAULO

02/06/2014 02h00

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *