ESTOQUES BAIXOS DEVEM MANTER COTAÇÃO EM ALTA

Com os estoques mundiais de soja atingindo o menor nível em 40 anos, as cotações da oleaginosa podem continuar em alta até a safra 2013/14. A expectativa do analista André Pessoa, da Agroconsult, que participou do 24 Fórum Nacional da Soja, ontem, na Expodireto, é que o preço médio do bushel cresça 4,4% em 2013 em relação ao ano passado, ficando em 14,2 dólares. Pessoa acredita que, para a próxima safra, com o ensaio de retomada dos estoques – cuja previsão de superávit é de 13 milhões de toneladas (11 milhões de t a mais do que neste ano) – existem duas possibilidades: tendência de alta de 2% ou de recuo de 12%. ‘A logística será a palavra-chave’, explicou. O crescimento da população e da urbanização e o incremento da renda, que gera demanda por proteína, foram citados como justificativa. No país, a área plantada com soja na safra 2013/14 deve saltar 4%, totalizando 28,9 milhões de hectares, prevê Pessoa. O presidente da Fecoagro, Rui Polidoro Pinto, se disse preocupado. ‘A soja vai continuar em alta, mas a logística vai comer parte da rentabilidade do produtor’, frisou.

Durante o fórum, o professor da Ufrgs Marcelo Portugal traçou quadro otimista para 2013. Segundo ele, o bom desempenho da safra garantirá crescimento de 5,7% do PIB, enquanto para o país a projeção é de alta de 3%.

VALOR DA SOJA

2010/11 – 13,1 dólares/bushel

2011/12 – 13,6 dólares/bushel

2012/13 – 14,2 dólares/bushel

2013/14 – 14,5 dólares/bushel*

* No melhor cenário

Fonte: Agroconsult

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *