Estado detalha melhorias para a Expointer

Fonte:  Jornal do Comércio

Investimentos no parque Assis Brasil somam R$ 3,5 milhões; outros R$ 2,2 milhões serão aplicados após o evento

FREDY VIEIRA/JC

Até o início da feira, no dia 27, investimentos em melhorias do parque chegarão a R$ 3,5 milhões

Até o início da feira, no dia 27, investimentos em melhorias do parque chegarão a R$ 3,5 milhões

Até o início da 34ª Expointer, que acontece de 27 de agosto a 4 de setembro no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, 65% das novas baias destinadas aos eqüinos poderão receber os animais. As 330 estruturas previstas fazem parte das melhorias que estão sendo implementadas pelo governo do Estado no parque para esta edição da feira, além de obras de infraestrutura como renovação da rede elétrica, instalação de 209 boxes no camping, ampliação para 310 vagas nos alojamentos dos peões e reforma do prédio da Inspetoria Veterinária.

O andamento das obras foi detalhado ontem no parque pelos representantes das entidades promotoras da feira. Os investimentos totais na Expointer chegarão a R$ 3,5 milhões neste ano, de um orçamento de R$ 5,8 milhões. Parte do valor excedente será somado à arrecadação da bilheteria (prevista em R$ 2 milhões) para dar andamento a outras obras mesmo após o término da feira.. “Esta será uma Expointer de observação, avaliação do que precisa mudar para melhorar sua funcionalidade”, disse o secretário da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi.

Com o tema “Qualidade e Inovação para o Rio Grande Crescer”, a edição 2011 recebeu a inscrição de 5.986 exemplares de diversas espécies, com maior plantel de eqüinos, que soma a adesão de 1.215 animais.  Com a expectativa de receber 600 mil visitantes durante os nove dias, a feira espera comercializar mais do que o R$ 1,2 bilhão alcançado no ano passado.

Ontem, o governo do Estado realizou a entrega das primeiras credenciais de imprensa aos profissionais que farão a cobertura do evento, bem como às entidades do agronegócio gaúcho que participarão da mostra. Os documentos para esta edição serão pessoais e intransferíveis e devem ser validadas no primeiro acesso dos profissionais ao parque. “Estamos implementando uma série de melhorias na organização da Expointer, e a entrega antecipada das credenciais simboliza este novo momento”, afirmou o secretário Mainardi.

As mudanças mais perceptíveis aos participantes se esticarão ao sistema de transportes e ao estacionamento, neste ano gerido pelo próprio governo. A cobrança junto aos motoristas será feita na saída dos veículos, evitando filas nas vias de acesso ao Parque Assis Brasil. O governo do Estado e a Trensurb firmaram um acordo de cooperação para potencializar o uso do metrô durante o evento. A Trensurb fechou convênios com seis estacionamentos no Centro de Porto Alegre para que os participantes deixem seus carros e embarquem nos vagões, evitando os engarrafamentos da BR-116.

A entrada de automóveis e pedestres no parque será totalmente informatizadas, com 36 catracas e 22 cancelas conectadas a um sistema central. Desta forma, os organizadores poderão conhecer, ao final do evento, o número preciso de visitantes e os horários de pico no movimento. O sistema foi implementado pela empresa vencedora da licitação, a Imply, de Santa Cruz do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *