ECONOMIA – Fundos de hedge voltados para commodities voltam à moda

Diante dos retornos registrados neste ano, investidores que, antes, estavam cautelosos, passaram a direcionar investimentos, apostando em uma recuperação de demanda no pós-pandemia

Fundos de hedge focados em commodities geraram fortes retornos em 2021, e investidores que há muito adotavam cautela quanto a essas opções estão agora colocando dinheiro neles, apostando que a recuperação da pandemia aumentará a demanda por petróleo e gás, matérias-primas de metais, grãos e produtos como açúcar e café.

Embora muitos aportes venham sendo direcionados a outros investimentos ligados a commodities, os fundos de hedge são uma escolha mais surpreendente, após anos de retiradas de recursos por investidores desses fundos que levaram ao fechamento de diversas empresas que atuavam no ramo.

agricultura_soja (Foto: Ernesto de Souza/Ed. Globo) 

Commodities agrícolas, grãos, como a soja, estão no radar de fundos de investimentos nesse tipo de mercadoria  (Foto: Ernesto de Souza/Ed. Globo)

Entre os fundos emplacando grandes ganhos este ano, estão os administrados pelo famoso investidor do setor de petróleo Pierre Andurand. Seus fundos de commodities fizeram 27% no ano até o fim de maio, enquanto seu fundo discricionário rendeu 33%, disse à Reuters uma pessoa com conhecimento do assunto, nesta quarta-feira.

A Odey Asset Management, com sede no Reino Unido, fez 10,7% no mesmo período de tempo com seu fundo de ações long-short que aposta no segmento de commodities. Já a Westbeck Capital Management, também do Reino Unido, gerou ganhos de 75% no ano até 2 de junho.

A Auspice Capital, fundo focado em commodities controlado por computador, obteve retornos de 17,7%, com o rali dos metais, café e açúcar contribuindo para o resultado, de acordo com uma carta preliminar a investidores vista pela Reuters.

"A tendência altista segue intacta para o complexo de commodities como um todo", disse o co-fundador da Westbeck, Jean-Louis Le Mee. "Nós acreditamos que o petróleo está prestes a disparar e o complexo de commodities deve atingir novas máximas nesse ciclo".

Os fundos de hedge de commodities tiveram desempenho positivo de 6,5% em abril, contra retornos médios de 2,5% dos fundos de hegde em geral, de acordo com os dados mais recentes da eVestment.

Esses fundos utilizam diversas estratégias, apostando em tudo, desde commodities puras até ações e dívidas de empresas.

REUTERS

Fonte : Globo Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *