Doux: produtor estuda ”plano B”

Frente ao atraso de mais de seis meses no pagamento de lotes e ao silêncio da Doux Frangosul desde o começo do mês, quando suspendeu suas atividades no Estado devido à negociação da venda de ativos, produtores costuram um plano B. A ideia, debatida ontem pela Comissão de Integrados da Fetag, é contatar empresas e a Asgav para identificar empreendimentos interessados em integrar os 2 mil criadores.
O setor industrial é reticente. Segundo o diretor executivo da Asgav, José Eduardo dos Santos, os 22 frigoríficos avícolas, que hoje mantêm 10,3 mil criadores no Estado, não têm condições de absorver integralmente esta produção. Conforme Santos, já há um movimento de migração.
O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Montenegro, Romeu Krug, confirma a situação critica, que deve gerar ações judiciais para cobrança dos débitos: "Os financiamentos estão vencendo e os produtores não têm como pagar". A expectativa do presidente da Fetag, Elton Weber, é que um novo posicionamento da Doux deva ocorrer na semana que vem.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *