Dívidas prorrogadas

O senador Gilberto Goellner (DEM/MT) disse, nesta quarta-feira (13), que a previsão de queda do Valor Bruto de Produção no Brasil (VBP), estimado em R$ 156 bilhões para a safra esta safra, 3,2% inferior a 2008, pode provocar a queda expressiva da renda agrícola e consequetemente levar à nova inadimplência o produtor rural que renegociou seus débitos por meio da lei n. 11. 775/08. O próximo pagamento de débitos prorrogados vence nesta sexta-feira, 15.

Goellner conversou com o Secretário Executivo do Ministério da Agricultura (MAPA), Gerardo Fontelles, com o objetivo acomplia weight loss de viabilizar a uma estratégia para aqueles produtores em dificuldades financeiras. O secretário informou ao senador Gilberto que o MAPA estuda a publicação de instrução normativa com base no Manual do Crédito Rural (MCR 2.6.9), flexibilizando o prazo para o pagamento de parcela vincenda de custeio prorrogado e de investimentos do setor rural. A ideia é prorrogar order prescription drugs online até 100% do valor. As informações são da assessoria do senador Gilberto Goellner.

Fonte: Agência Safras