Derrota de todos

O que mais se temia está para acontecer: quem pode acabar dando a última palavra sobre o novo Código Florestal é o Poder Judiciário. O DEM já promete ingressar no Supremo Tribunal Federal com uma ação direta de inconstitucionalidade contra os vetos da presidente Dilma, segundo o deputado Ronaldo Caiado. Para o parlamentar, Dilma tem a prerrogativa constitucional de vetar mas não pode legislar por decreto. Depois de mais de dois anos de negociações no Congresso não há, na história recente do país, nenhuma outra lei que tenha sido tão exaustivamente discutida, negociada, votada e vetada seria constrangedor para o Legislativo ver a solução para esse seu embate com o Executivo ser dada pelo Judiciário. Sem falar do desperdício de dinheiro público. Afinal, foram dezenas de audiências realizadas em vários Estados e incontáveis sessões na Câmara e no Senado. O país tem muito a perder com a falta de um consenso em torno da nova lei florestal.

Fonte: Zero Hora | OLHAR DO CAMPO | Irineu Guarnier Filho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *