DANILO UCHA – O crescimento das cooperativas

Cooperativismo agrícola é forte, mas também cresceu em outras áreas

Cooperativismo agrícola é forte, mas também cresceu em outras áreas

O cooperativismo gaúcho, que já teve uma força extraordinária, principalmente nos grandes momentos da pecuária, do trigo, da soja e do arroz, nos anos de 1960/70 e 80, e, depois, enfrentou uma série de dificuldades muitas cooperativas quebraram, voltou a crescer no Rio Grande do Sul. Já soma mais de 2,6 milhões de associados e gera mais de 58 mil empregos diretos. Os empregados de cooperativas possuem salário médio 30,3% superior ao do setor privado. Entre os anos de 2010 e 2014, os ingressos das cooperativas apresentaram 68,2% de crescimento. Com um incremento de 10,67% no exercício de 2014, as cooperativas gaúchas, somadas, tiveram o ingresso de R$ 31,2 bilhões e geraram, em 2014, R$ 1,7 bilhão em tributos. Além disso, elas desenvolvem as comunidades nas quais estão inseridas, levando desenvolvimento ao campo, reunindo 293 mil produtores rurais; realizando a inclusão financeira de mais de 1,7 milhão de associados; possuem sete hospitais próprios, seis hospitais-dia e 25 pronto-atendimentos; e levam luz e energia a mais de 460 mil famílias no Estado.

Saúde

Encontro nacional vai debater gestão ambiental em estabelecimentos assistenciais em saúde. O Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre realizará a primeira edição do evento, dias 26 e 27, para debater o planejamento e a implementação de atividades de gestão ambiental. Profissionais de saúde de todo o Brasil participarão.

Aço mais caro

A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) enviou carta ao ministro do Desenvolvimento, da Indústria e Comércio Exterior (Mdic), Armando Monteiro, manifestando "enorme preocupação" diante da notícia de que o Mdic avalia elevar a alíquota do Imposto de Importação de aços. O presidente Carlos Pastoriza diz que agravará a situação da indústria de máquinas e equipamentos, que já acumula queda de faturamento, de janeiro de 2012 até outubro de 2015, da ordem de 30% e já demitiu mais de 60 mil trabalhadores.

Acessibilidade

Várias empresas e empreendimentos receberão, hoje, na Fiergs, o Selo Acessibilidade, conferido pela Secretaria Municipal de Acessibilidade e Inclusão Social. Entre elas, lojas da Panvel, representadas pelo diretor Marco Antonio Kraemer;
Shopping Moinhos de Vento e empreendimento Central Parque, da Rossi.

AES Sul

Apesar do tamanho dos estragos causados na rede elétrica da região da Campanha e da Fronteira-Oeste pelos últimos temporais, os técnicos da AES Sul movimentaram-se e conseguiram sanar a maioria dos problemas rapidamente. Muitos transformadores foram avariados. Na região do Sarandi, em Livramento, os fazendeiros estavam preocupados porque é "época de tosquia", como diz a canção do Telmo de Lima Freitas, e as "comparsas" estavam paradas, milhares de ovelhas esperando a tosa e aumentando os custos com a alimentação dos esquiladores sem trabalhar.

Salário regional

O presidente do Sindicato das Indústrias Metalmecânicas e Eletroeletrônicas do Rio Grande do Sul, Gilberto Porcello Petry, classifica como a pá de cal para a já fragilizada economia gaúcha o pleito dos sindicatos de trabalhadores de um reajuste de 11,55% do novo salário-mínimo regional. Além da conjuntura difícil vivenciada pelo Estado, agravada pelo aumento da alíquota do ICMS a partir de 2016, chama a atenção também para o quadro recessivo nacional que deve se repetir no próximo ano. "Devido também à nossa igualmente deficiente infraestrutura logística, ficaremos cada vez menos competitivos, perdendo investimentos para os demais estados." No seu entendimento, o governador José Ivo Sartori (PMDB), a quem cabe a última palavra do reajuste do mínimo regional, deveria autorizar uma correção nos mesmos níveis da atualização monetária prevista na LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 3%.

Suínos

A Associação de Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul, fundada em Estrela, em 1972, completará 43 anos no dia 25. Presidida atualmente pelo criador Valdecir Luis Folador, conta com 16 entidades filiadas no Estado. Entre suas conquistas, está a Central de Produção de Sêmen, que produz doses resfriadas enviadas aos suinocultores do Estado e do País.

COAGRISOL/DIVULGAÇÃO/JC

Painel Econômico
DANILO UCHA
Painel Econômico

Fonte : Jornal do Comércio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *