DANILO UCHA – Nova fábrica da Fruki será decidida neste mês

Eggers, presidente da Bebidas Fruki, vai construir nova fábrica

Eggers, presidente da Bebidas Fruki, vai construir nova fábrica

A indústria de bebidas Fruki, de Lajeado, deverá decidir, no fim deste mês, o município gaúcho que ganhará sua nova fábrica, um investimento de R$ 80 milhões até 2020; seguido de novo investimento, da ordem de R$ 100 milhões, até 2025, na expansão do parque industrial, com o acréscimo de uma fábrica de cerveja. As informações são do presidente da Fruki, Nelson Eggers, que ontem, no evento de entrega dos destaques Marcas de Quem Decide, do Jornal do Comércio e da Qualidata, comentou já ter feito 70 anos há muito tempo, "mas pretendo está lá para beber o primeiro copo de cerveja". A escolha será feita entre 60 municípios que se candidataram à fábrica e precisam dispor de uma área entre 80 e 100 hectares. Fabíola Eggers, gerente de relações institucionais da Fruki, complementou que o novo centro de distribuição, em Pelotas, será inaugurado em julho.

Arroz

O vice-presidente da Federarroz, Daire Coutinho, foi designado presidente da Câmara Setorial do Arroz. A escolha foi da ministra da Agricultura, Kátia Abreu.

Páscoa

A Fecomércio-RS não leva muita fé nas vendas de Páscoa. Estima retração de 6,5% nas vendas dos produtos típicos da época.

Apoio

O Sescon-RS, que representa 20 mil empresas gaúchas, lançou nota de apoio às recentes atividades da Polícia Federal e do juiz Sérgio Moro na Operação Lava Jato. Assinada pelo presidente Diogo Chamun, a nota assinala a preocupação do setor com a situação da economia nacional. "O mercado deu mostras de que é insustentável a situação. Bastou a delação do ex-líder do governo Delcídio Amaral (PT) e a ação da PF na casa do ex-presidente Lula para haver reação. O dólar baixou, e a bolsa subiu. Reflexo de que, sim, a mudança é urgente!", concluiu Chamun.

Corsan-Ospa

A companhia gaúcha de água e esgoto, Corsan, assinou convênio com a Fundação Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa). Através das leis de incentivo, vai patrocinar uma série de concertos pelo Interior do Estado. A assinatura foi prestigiada por Flávio Presser, presidente da Corsan; Evandro Matté, diretor artístico da Ospa; Victor Hugo, secretário da Cultura; e Jorge Melo, diretor financeiro da companhia.

Eficiência energética

A Rio Grande Emergia (RGE) fará um encontro, dia 23, em Caxias do Sul, com clientes industriais, comerciais, poder público, de serviços e rurais sobre o programa de eficiência energética. A empresa vai aplicar R$ 4 milhões nos projetos selecionados. Será às 8h, na rua Mário de Boni, 1.902, em Caxias.

Arrojado

O CEO da Rede Plaza de Hotéis, Roberto Rotter, está entusiasmado com os arrojados planos da empresa para crescer com novos empreendimentos em várias cidades gaúchas, em Santa Catarina, Paraná e Bahia. Rotter tem grande experiência na implantação de unidades hoteleiras, pois fez isso, por mais de 10 anos, para a rede de hotéis Pestana, no Brasil e na América Latina.

Duas fábricas

O secretário estadual do Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, Fábio Branco, viajará, segunda-feira, para a Alemanha e a Polônia, onde tentará fechar negociações para a instalação de duas fábricas no Rio Grande do Sul. Na Alemanha, buscará uma indústria de máquinas e equipamentos, junto à matriz de uma das maiores do mundo no setor, negócio que, segundo o secretário, está totalmente acertado. Faltam detalhes e, por isso, ele não divulga o nome. Na Polônia, vai ver as últimas arestas para a instalação, no Polo Petroquímico de Triunfo, de uma fábrica de borracha sintética da Synthos, investimento de R$ 600 milhões, também já acertado, mas que estava paralisado, porque dependia do acordo Braskem-Petrobras sobre fornecimento de nafta e de uma decisão do governo brasileiro sobre antidumping. "Os dois estraves foram superados", disse Branco. João Ruy Freire, diretor da Braskem que estava junto, comemorou, pois a Synthos será uma nova cliente para o butadieno fabricado pela empresa e hoje exportado.

DANILO UCHA/JN/ESPECIAL/JC

Painel Econômico
DANILO UCHA
Painel Econômico

Fonte : Jornal do Comércio

Compartilhe!