DANILO UCHA – Empresas do Mississippi podem se negar a atender gays

Phil Bryant, governador do estado do Mississippi, nos Estados Unidos, promulgou uma lei que permite que empresas públicas e privadas neguem atendimento a homossexuais com base nas crenças religiosas de seus empregados. Mesmo com a oposição de associações de defesa dos direitos gays e de algumas empresas, como a montadora de carros Nissan, Bryant assinou a norma ontem. Por outro lado, a decisão é apoiada por grupos conservadores e religiosos.

A intenção da medida, segundo o estado, é proteger aqueles que creem que o casamento deve ser constituído apenas por um homem e uma mulher, que as relações sexuais só devem ocorrer dentro do matrimônio e que masculino e feminino são gêneros imutáveis. "Este projeto de lei apenas reforça os direitos de liberdade religiosa que existem atualmente, como está indicado na Primeira Emenda da Constituição dos EUA", escreveu o governador republicano em uma publicação em sua conta no Twitter.

Painel Econômico
DANILO UCHA
Painel Econômico

Fonte : Jornal do Comércio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *