Curtas – Execução trabalhista

"Todo processo precisa de um ponto final." Com esse slogan, a Justiça do Trabalho espera dar fim a milhares de ações durante a Semana Nacional da Execução Trabalhista, que começa hoje em todo o país. Durante cinco dias Varas do Trabalho e Tribunais Regionais intensificam o rastreio e bloqueio de bens, realizam leilões e buscam outras ações para garantir o pagamento de dívidas trabalhistas nos processos em fase de execução, ou seja, quando já saiu a condenação, mas a empresa não cumpriu a decisão judicial. Organizada pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) anualmente, a Semana Nacional da Execução Trabalhista já está na sétima edição. No ano passado, foram arrecadados quase R$ 800 milhões para o pagamento de dívidas trabalhistas. O montante representou o fim do processo, com a efetiva liquidação de direitos para mais de 30 mil pessoas.

Justiça Aqui

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) desenvolveu um aplicativo para que o cidadão consiga localizar, no seu smartphone, a unidade do Poder Judiciário mais próxima. Neste primeiro momento, o serviço on-line mapeou 6,5 mil locais onde a Justiça presta atendimento em todas as capitais brasileiras. O cidadão também pode acessar a ferramenta na internet pelo link rsa.cnj.jus.br/ja/. O aplicativo "Justiça Aqui" pode ser baixado gratuitamente nas lojas virtuais do sistema Android.

Fonte : Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *