Criação de delegacia federal no DF fortalece agricultura familiar na região

Primeiro delegado da Sead no DF quer garantir acesso dos agricultores às políticas públicas

O produtor rural do Distrito Federal e entorno já conta com uma delegacia da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário (Sead). Com a DAFDA-DF, todos os estados brasileiros dispõem do suporte técnico da secretaria e a expectativa é de que as políticas públicas para o campo avancem ainda mais na região do DF.

A unidade foi criada em uma fase de reestruturação pela Coordenação-Geral Nacional das Delegacias Federais da Sead (Condef), com o objetivo de fortalecer o trabalho pelo país.

“São muitas políticas públicas e precisamos dar visibilidade. Através da delegacia, o agricultor pode conhecer cada uma pessoalmente. É a interlocução entre as entidades de governo e as iniciativas privadas. Agora Brasília tem isso”, afirmou o coordenador do Condef, Carlos Astolfo Caetano.

Segundo ele, o papel do delegado é representar a Sead e fazer fluir os programas implementados para o produtor rural. Quem recebeu essa missão no DF foi Kleber Carlos da Silva.

“A capital produz muito e tem um mercado extremamente exigente. A nossa atuação chega para aprimorar o crescimento numa nova agricultura familiar. Vamos levar nossos programas até cada agricultor. Isso vai gerar trabalho e renda”, explicou o delegado.

Kleber Carlos é servidor de carreira da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), uma parceira da Sead. Teve a trajetória profissional sempre vinculada ao setor da agricultura. Para ele, a prioridade nesse novo desafio é conseguir identificar cada cooperativa, associação de agricultores e assentamentos para que possam ter acesso às políticas públicas oferecidas.

“Depois de chegarmos até cada produtor rural, a nossa outra tarefa é fiscalizar e monitorar os programas. É ver in loco se eles realmente estão funcionando, se o recurso está chegando”.

O delegado do DF ainda lembrou a importância de algumas políticas públicas da Sead para garantir a regularização da terra, financiamento do trabalho e qualidade dos produtos a serem comercializados.

Fernanda Lisboa
Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário
Assessoria de Comunicação

Ascom Sead

Fonte : MDA

Compartilhe!