Consumo de biodiesel é menor que produção

O governo estuda a criação de um fundo que arrecadaria recursos das empresas de biodiesel para aumentar os investimentos em AGRICULTURA FAMILIAR. A informação é do coordenador da Comissão Executiva Interministerial de biodiesel da Casa Civil, Rodrigo Rodrigues. Segundo ele, o fundo seria um instrumento vinculado ao aumento da mistura de biodiesel no diesel.

Rodrigues afirma que o consumo de biodiesel no País deve encerrar 2012 em menos da metade da capacidade de produção.

Dados apresentados por ele ontem durante evento em São Paulo mostram que a capacidade instalada atual permite a oferta anual de 6,6 bilhões de litros de biodiesel. No entanto, a demanda neste ano deve ficar em 2,6 bilhões de litros.

"O governo quer uma contrapartida financeira para investir na AGRICULTURA FAMILIAR e o fundo é uma ideia que está sendo discutida", disse. Rodrigues explicou que, caso a mistura seja elevada para 10%, por exemplo, além dos investimentos que as empresas do setor de biodiesel já fazem diretamente em AGRICULTURA FAMILIAR, elas também teriam de contribuir para este fundo. Para o executivo da Casa Civil, seria uma forma de distribuir a maior renda que estas empresas teriam com o aumento da mistura.

O presidente da Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil (Aprobio), Erasmo Batistella, entende que o fundo deveria ser uma alternativa para o setor investir em AGRICULTURA FAMILIAR. "O setor poderia, então, decidir se investiria diretamente na agricultura ou colocaria os recursos no fundo para que o governo decidisse o melhor investimento", disse. Segundo Batistella, o fundo pode ser uma boa alternativa se funcionar para reduzir os custos que o setor tem hoje para investir em AGRICULTURA FAMILIAR.

Fonte: DCI – SP | AGRONEGÓCIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *