Consórcio Antiferrugem eleva para 85 número de casos da doença

Goiás segue na liderança, com 37 focos registrados neste mês

Agência Tocantinense de Notícias

Foto: Agência Tocantinense de Notícias

No acumulado da safra 2013/2014, o consórcio apurou 170 ocorrências de ferrugem em áreas produtoras de soja do país

Dados do Consórcio Antiferrugem, coordenado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) mostram que subiu para 85 o número de ocorrências de ferrugem asiática em plantações de soja do Brasil em janeiro, sendo 78 deles em lavouras comerciais. Goiás segue na liderança, com 37 focos registrados neste mês, o equivalente a 43,5% do total, seguido pelo Paraná, com 20 casos da doença (23,5%), de acordo com o levantamento.
>> Leia mais notícias sobre soja
No acumulado da safra 2013/2014, o consórcio apurou 170 ocorrências de ferrugem em áreas produtoras de soja do país, sendo 12 em novembro, 73 em dezembro e 85 em janeiro. O número é 35,8% menor que os 265 casos apurados em igual período da temporada 2012/13. Naquela época, Paraná, Rio Grande do Sul e Mato Grosso eram os Estados com maior incidência da doença.

A ferrugem asiática é causada por um fungo que compromete a formação e o enchimento das vagens, reduzindo o peso final dos grãos. Os prejuízos podem variar de 10% a 90% da produção, dependendo do nível epidêmico e da região geográfica, conforme o consórcio.

>> Ferrugem asiática surge mais cedo em Goiás e surpreende produtores

Agência Estado

Fonte: Ruralbr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *