Conselho firma acordos com bancos e teles para agilizar processos

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) firmou ontem termos de cooperação técnica com bancos, empresas de telefonia e Tribunais de Justiça de oito Estados para acelerar a tramitação de processos nos Juizados Especiais Cíveis. Os acordos foram assinados pelo corregedor nacional de Justiça, ministro Francisco Falcão, e por representantes da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), do Banco do Brasil e da Federação Brasileira de Telecomunicações (Febratel). Com a celebração dos termos, as citações serão feitas por meio eletrônico em todos os processos em que bancos e empresas de telefonia sejam parte. O acordo também prevê padronização das práticas de mediação e conciliação e gestão das pautas das audiências com concentração por réu.

Divulgação CNJ / Divulgação CNJ

© 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/legislacao/3586004/conselho-firma-acordos-com-bancos-e-teles-para-agilizar-processos#ixzz34uDhoM00

 

Fonte: Valor |

Compartilhe!