Conab resolve distribuição de milho

Assim que a Conab fechar o carregamento de mil toneladas para cada município, produtores rurais de Rondinha, Palmitinho, Arroio do Tigre e arredores terão acesso ao milho subsidiado pelo governo federal para alimentação animal. A companhia divulgou ontem o procedimento que atende a demanda apresentada pela Fetag e dos atingidos pela seca. Produtores do Alto Uruguai e região Central estavam longe dos pontos de distribuição, onde o milho está chegando desde abril. "Chamamos de delivery o sistema que entregamos o milho quase diretamente ao produtor. É uma maneira emergencial de atender aos produtores", explica o superintendente de Abastecimento Social da Conab, João Cláudio Dalla Costa.
Nos três municípios, as vendas a balcão estão próximas ao carregamento mínimo. A Conab espera que até a próxima semana as cargas saiam de Mato Grosso, devendo chegar ao Estado em julho. Costa acrescenta que o fato do cereal não ter chegado ainda à região não significa que o produtor não tenha acesso ao milho. "Se ele tiver como pagar o transporte, pode pegar o cereal em qualquer armazém credenciado que já tenha o grão."
O presidente da Fetag, Elton Weber, disse que a medida não resolve, mas representa um avanço que colabora com o produtor. "Esperamos que da próxima vez que precisarmos a logística seja mais rápida", conclui o dirigente.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *