Colômbia amplia área de café, eleva produtividade e exportações crescem

A renovação do cafezal da Colômbia começa a surtir efeito nos números do país. A área atual de produção é de 974 mil hectares, 11% mais do que em 2008.

Como boa parte das áreas de café foi renovada, a produtividade aumentou e os colombianos elevam a produção e voltam com mais força ao mercado externo.

A produção de café dos cinco primeiros meses do país soma 4,6 milhões de sacas, 14% mais do que de janeiro a maio de 2013, segundo dados da confederação dos produtores de café do país.

Com a recuperação da produção interna, a colheita dos colombianos já soma 11,5 milhões de sacas nos últimos 12 meses, 30% mais do que em igual período anterior.

Christian Escobar – 28.mai.2014/Efe

Cafeicultor em videiro de mudas de café na Colômbia

Cafeicultor em videiro de mudas de café na Colômbia

A estimativa para este ano é de uma safra próxima de 11 milhões de sacas, um volume ainda inferior aos 12 milhões que o país produzia antes da renovação dos cafezais.

A queda de produção dos últimos anos ocorreu devido a essa renovação dos cafezais, incentivada pelo governo devido a plantas muito suscetíveis a pragas e de baixa produtividade.

O avanço da produção começa a recolocar os colombianos no cenário exportador. As vendas externas dos quatro primeiros meses somaram 3,7 milhões de sacas, 32% mais do que os produtores haviam conseguido de janeiro a abril do ano passado.

Pela primeira vez, desde 2007, a exportação supera 1 milhão de sacas nos meses de novembro e de dezembro.

No acumulado dos 12 meses, os colombianos já exportaram 10,6 milhões de sacas, 36% mais do que em igual período anterior, segundo dados da confederação de produtores de café do país.

*

Milho A safra dos EUA começa a dar sinais de como poderá ser. Pelo menos 60% das lavouras estão em condições consideradas boas. Outras 15% se apresentam como excelentes.

Soja Já a oleaginosa registra 62% das lavouras como boas e outros 12% como excelentes, segundo informações divulgadas pelo Usda (Departamento de Agricultura dos EUA) nesta segunda (9).

Crédito O estoque de CRAs (Certificados de Recebíveis do Agronegócio) registrados na Cetip evoluiu 110% nos últimos 12 meses e alcançou R$ 1,2 bilhão em maio deste ano. Já o estoque de LCAs (Letras de Crédito do Agronegócio) subiu 20%, atingindo R$ 31 bilhões.

*

Cecafé estima vendas de 33 milhões de saca no ano

As exportações brasileiras de café somaram 14,5 milhões de sacas de janeiro a maio, 14% mais do que em igual período anterior. No mês passado, as vendas externas atingiram 2,9 milhões de sacas, 13% mais do que em igual período do ano passado.

Editoria de Arte/Folhapress

Diante desses números, Guilherme Braga, diretor-geral do Cecafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil), aponta exportações de 33 milhões de sacas neste ano.

Além de volume maior, o produto brasileiro também passou a valer mais no mercado externo. Com isso, as receitas de maio subiram para US$ 540 milhões, 19% mais do que im igual mês de 2013.

O aumento das receitas do mês passado permitiu uma evolução do total dos últimos 12 meses para US$ 5,2 bilhões.

*

Carne bovina

A exportação de carne bovina deste mês supera em 11% as de junho de 2013. O aumento se deve a uma elevação tanto no volume como nos preços. O volume de carne suína exportada também cresceu, –mais 53%–, enquanto o de frango caiu 2% no mesmo período, segundo a Secex.

Fonte: Folha

10/06/2014 02h00

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *