Colheita de trigo avança no Paraná, mas oferta segue irregular

SÃO PAULO  -  O Departamento de Economia Rural do Paraná (Deral) divulgou boletim informando que a colheita de trigo do Estado avançou normalmente na primeira quinzena de outubro, no entanto, observou que não está havendo uma oferta regular de trigo no mercado, tanto em termos de qualidade como de quantidade.

“As colheitas de setembro e outubro ocorreram em regiões fortemente prejudicadas pelas geadas e, consequentemente, apenas 40% da produção estimada já está disponível ao mercado”, informou o Deral em boletim.

Até agora, foram colhidos 472 mil hectares do cereal, o equivalente a 56% do total a ser colhido. Nas regiões Norte, Oeste e Centro-Oeste do Estado, as colheitas já se aproximam do fim, ou seja, abrangeram 90% da área.

Das áreas totalmente perdidas, estima-se que ao menos 80% encontram-se nas regiões onde a colheita está sendo finalizada. O Departamento informou que um novo levantamento sobre qualidade de trigo será apresentado no início de novembro.

O preço médio do trigo no Paraná recuou ontem 1,07%, a R$ 894,94 a tonelada, segundo o Cepea/Esalq. No mês, esse preço acumula queda de 5,11%.

(Fabiana Batista | Valor)

© 2000 – 2013. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/agro/3305682/colheita-de-trigo-avanca-no-parana-mas-oferta-segue-irregular#ixzz2ht6G44MP

Fonte: Valor | Por Fabiana Batista | Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *