Colheita de soja no país atinge 37% da área total, diz Céleres

SÃO PAULO – A consultoria Céleres afirmou que a colheita de soja atingiu 37% da área semeada na safra 2012/13, com avanço de nove pontos percentuais em relação a semana anterior.

“Apesar do excesso de chuvas no Centro-Oeste, o ritmo de colheita na semana passada avançou. Mas persiste o atraso de um ponto percentual na comparação com a safra passada”, diz 8º acompanhamento da safra 2012/13 da consultoria. Em Mato Grosso especificamente, o ritmo de colheita segue sete pontos percentuais atrasado na comparação com o ciclo anterior.

Na região Sul, o Paraná conseguiu avançar  com os trabalhos de colheita e atingiu em 1º de março, 45% da área semeada, com dois pontos percentuais adiantado em comparação com o ano passado. Em Santa Catarina, o ritmo da colheita também está adiantado. Na região Nordeste, o ritmo da colheita também está adiantado sendo que no âmbito regional, 10% da área semeada já foi colhida, com três pontos percentuais à frente do mesmo período do ano passado.

A comercialização da soja segue o ritmo tradicional dessa época do ano: aumento da oferta, elevação dos preços do transporte rodoviário e, consequentemente, redução das cotações Brasil. Ao longo da última semana, segundo a Céleres, as cotações da soja apresentaram um recuo médio de 2,6%. o que foi considerado normal pela consultoria.

Segundo a Céleres, 61% da produção nacional já foi negociada em diferentes tipos de contrato. No mesmo período do ano passado, 59% da produção havia sido comprometida.

(Fernanda Pressinott | Valor)

© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/3031142/colheita-de-soja-no-pais-atinge-37-da-area-total-diz-celeres#ixzz2MfU3OYjt

Fonte: Valor | Por Fernanda Pressinott | Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *