CNBB publica documento sobre comunidades quilombolas

O texto de estudos sobre os povos quilombolas está disponível ao público por meio das Edições CNBB


CNBB

Aprovado na 51ª Assembleia Geral da CNBB, em abril deste ano, o texto de estudos sobre os povos quilombolas está disponível ao público por meio das Edições CNBB. O número 105 da série verde da Conferência tem como título “A Igreja e as comunidades quilombolas”.
O documento foi elaborado por um grupo de trabalho criado pela Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz. “A finalidade deste texto é contribuir para a atuação da Igreja frente a realidade das comunidades quilombolas. Valorizando e defendendo seus direitos de vida, cultura, tradições, crenças e tudo aquilo que lhes são próprios”, explicou o presidente da Comissão, Dom Guilherme Werlang.
Na composição do texto, participaram bispos, padres e antropólogos, que trabalharam por quase um ano neste projeto. “Analisamos a situação do povo negro em nível nacional e pretendemos com o Documento expressar toda a luta pela justiça das comunidades Quilombolas”, disse Dom José Valdeci, bispo da diocese de Brejo (MA).
De acordo com Dom Guilherme, o Documento 105 está dividido em três partes, pelo método VER-JULGAR-AGIR. Na primeira parte (VER) aborda, entre outras coisas, um contexto histórico narrando a maneira como os negros foram trazidos para o Brasil e escravizados, o modo como aconteciam as torturas, a violência e injustiças, e também a maneira como teve início a formação dos quilombos e as resistências em busca da liberdade.
A segunda parte (JULGAR) traz a inspiração iluminação bíblica e dos Documentos da Igreja em relação a toda situação da escravidão. A terceira e última parte (AGIR) composta pelos encaminhamentos, exigências e direitos que devem ser efetivamente consagrados para os Quilombolas e seus territórios, além dos novos rumos a serem tomados.

Fonte: Canção Nova

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *