CNA e Incra se reúnem para tratar de demandas dos produtores rurais da região Norte

Muni Lourenço e Geraldo Melo

Brasília (12/02/2020) – A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) apresentou, na quarta (12), as demandas prioritárias dos produtores rurais da região Norte ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

O presidente das Comissões de Desenvolvimento Região Norte e de Meio Ambiente da CNA, Muni Lourenço, e o presidente do Incra, Geraldo Melo, debateram temas como a regularização fundiária e ambiental nos Estados da região Norte.

“A regularização de terra é sinônimo de segurança jurídica para milhares de produtores rurais. Com o título da terra, eles terão segurança para investir e para diversificar a sua produção de alimentos”, afirmou Muni Lourenço.

“Ouvimos uma série medidas que serão tomadas pelo Incra que convergem integralmente para o atendimento das situações apresentadas”, completou o presidente das Comissões da CNA.

Para o presidente do Incra, os temas abordados na reunião estão de acordo com a agenda de trabalho do Instituto.

“A necessidade de realizar a titulação dos assentamentos da região e tratar como prioridade a questão da regularização fundiária, inclusive com a política de proteção ao meio ambiente, são temas convergentes com os interesses do país”, afirmou Geraldo Melo.

Assessoria de Comunicação CNA
Fotos: Wenderson Araujo
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor

twitter.com/SistemaCNA

facebook.com/SistemaCNA

instagram.com/SistemaCNA

facebook.com/SENARBrasil

Fonte : CNA