CNA discute liberação de crédito com diretoria de agronegócios do Banco do Brasil

O vice-presidente diretor da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Goiás (FAEG), José Mário Schreiner, e o superintendente técnico da CNA, Bruno Lucchi, reuniram-se nesta quarta-feira (07), em Brasília, com o diretor de Agronegócios do Banco do Brasil. No encontro, eles discutiram o processo de liberação dos recursos de crédito rural e o início da liberação do crédito para a segunda safra.

Segundo Schreiner, o setor agropecuário experimentou um ano de baixa disponibilidade de recursos de pré-custeio e aumento acentuado dos custos de produção. No entanto, ressaltou, desde julho, as contratações de crédito rural retornaram à normalidade, alcançando os volumes contratados em anos anteriores.

O diretor da CNA destacou o esforço conjunto realizado pelo Banco do Brasil e pelo setor agropecuário para aprimorar os produtos de seguros, buscando atender às necessidades dos produtores rurais, com custos de apólices mais compatíveis com a rentabilidade da atividade. No entanto, o elevado custo do seguro agrícola para safrinha preocupa o setor.

Ele apontou, também, que a exigência excessiva de garantias na liberação dos financiamentos agropecuários para a safra 2015/2016 tem ocorrido em algumas regiões do país. Dessa forma, solicitou  ações para corrigir possíveis distorções na contratação do crédito.


CNA

Fonte: Famasul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *