Chuvas seguem no Paraná: veja a previsão até quarta em todo o país!

Segundo a meteorologia, apesar dos volumes são serem muito grandes as frentes frias não darão trégua para a região Sul. No Sudeste e Centro-Oeste tempo seco também não deve durar

A semana começa com muita nebulosidade em Roraima e com instabilidades mais fortes, várias descargas elétricas, inclusive no no centro de Mato Grosso. Na última madrugada, em menos de 4 horas, o município de Campo Novo do Parecis registrou mais de 70 milímetros acumulados. Tudo por conta da alta umidade e do calor. No leste baiano há mais nebulosidade do que chuva, por enquanto, devido à passagem de uma frente fria.

Segunda-feira

SUL

A semana começa com predomínio de sol na região Sul. A massa de ar frio vai embora e o dia amanhece com temperaturas mais elevadas que as do fim de semana. À tarde, faz calor nos três estados. A partir da tarde, uma frente fria começa a avançar para o Rio Grande do Sul, mas o sistema é fraco e gera mais nuvens do que chuva. Chove no sudoeste gaúcho de maneira fraca a moderada, sem intensos temporais, mesmo assim não se descartam descargas elétricas e rajadas de vento. A noite esfria nas áreas mais ao sul do Rio Grande do Sul, conforme o vento muda de direção.

SUDESTE

A semana começa com predomínio de sol no Sudeste. A chuva se afasta quase completamente da região – fica restrita apenas à divisa entre Minas Gerais e Goiás – e o sol volta a aparecer e a elevar as temperaturas nos quatro estados

CENTRO-OESTE

A semana começa com pancadas de chuva em Mato Grosso, Distrito Federal, Goiás e parte de Mato Grosso do Sul. A chuva ocorre de forma mais isolada que nos dias anteriores, mas ainda pode ser forte no centro e norte de Goiás e no Distrito Federal. No sul e leste de Mato Grosso do Sul, sol e calor o dia inteiro.

NORDESTE

O tempo continua instável no litoral da Bahia, com chuvas a qualquer hora do dia. No interior da região, o sol aparece e eleva as temperaturas, inclusive no interior da Bahia. Só chove de forma isolada, à tarde, no extremo oeste baiano e piauiense e no centro-sul do Maranhão.

NORTE

Com exceção do Amapá e do norte do Pará, onde o tempo fica firme, há previsão de pancadas de chuva na maior parte da região Norte. A chuva mais intensa atinge Tocantins, Rondônia e o leste do Amazonas, incluindo Manaus, à tarde. Mesmo com chuva, a temperatura fica elevada em todo o Norte.

Terça-feira

SUL

A frente fria segue seu avanço pela costa da região Sul e, apesar de não provocar temporais generalizados, há risco para chuva forte no norte e oeste do Paraná na terça-feira à tarde. Antes, o sistema espalha nuvens e chove de maneira fraca a moderada pela metade norte do Rio Grande do Sul, por Santa Catarina e para o sul e leste do Paraná. As temperaturas entram em queda, pois os ventos passam a soprar do quadrante do sul.

SUDESTE

O sol novamente predomina no Sudeste. Não chove no Espírito Santo, no Rio de Janeiro e em grande parte de Minas Gerais. Faz calor. Já em São Paulo, Triângulo Mineiro e sul de Minas Gerais, apesar do dia também começar ensolarado e das temperaturas subirem, o avanço de uma frente fria pelo mar muda o tempo à tarde e provoca chuva. Chove forte no oeste e norte paulista e no Triângulo Mineiro, com raios e ventanias. A temperatura cai rapidamente.

CENTRO-OESTE

Uma área de baixa pressão atmosférica no interior do continente provoca novas chuvas fortes no Centro-Oeste. Tem risco já pela manhã em Mato Grosso. À tarde, ocorre a chuva mais forte na região, com possibilidade para atingir os três estados da região, além do Distrito Federal. A sensação é de calor, mas a temperatura não fica tão alta quanto na segunda-feira

NORDESTE

O sol predomina na maior parte da região Nordeste nesta terça-feira. Mesmo no litoral da Bahia, onde ainda chove, há mais aberturas de sol. Também chove, de forma leve, no litoral desde Sergipe até a Paraíba, pela manhã, e no extremo oeste baiano, de forma isolada, à tarde.

NORTE

A chuva segue espalhada pela região Norte, atingindo Acre, Rondônia, Amazonas, Roraima e grande parte do Pará e do Tocantins. No Amapá e no norte do Pará, o tempo segue firme e com temperaturas bastante elevadas. Vale destacar que não chove em Belém desde a sexta-feira e a condição ainda é de trégua na capital paraense.

Quarta-feira

SUL

A frente fria se afasta completamente do continente e não afeta mais o tempo na região Sul. Porém, dois sistemas relacionados à pressão atmosférica provocam chuvas de formas distintas. Venta bastante, com rajadas que podem chegar a 80 km/h inclusive, em Porto Alegre. No oeste da região Sul, quem atua é uma área de baixa pressão que se formou no interior do continente. Este sistema provoca temporais com raios e até risco de granizo no oeste do Paraná já pela manhã, avançando para o oeste gaúcho e para o leste de Santa Catarina e do Paraná no decorrer do dia. Há risco para alagamentos em Curitiba, que tem chuva fraca desde o início do dia e depois chuva forte a partir da tarde.

SUDESTE

A frente fria se afasta, mas ainda consegue organizar intensas áreas de instabilidade sobre o Sudeste junto a uma área de baixa pressão atmosférica no interior do continente. Chove a qualquer hora do dia, com grande acumulado, no estado de São Paulo e no oeste, centro e sul de Minas Gerais. Há risco para alagamentos em grandes centros urbanos, como as Regiões Metropolitanas de São Paulo, Campinas e Belo Horizonte. A temperatura fica baixa. No Rio de Janeiro e no sul do Espírito Santo, chove a partir da tarde, na forma de pancadas. Nas áreas mais ao norte de Minas Gerais e do estado capixaba, o tempo fica firme e faz calor.

CENTRO-OESTE
Continua chovendo forte no Centro-Oeste. Há risco para temporais no sul e leste de Mato Grosso do Sul e de Goiás, inclusive com alto acumulado e potencial para transtornos. Os termômetros não sobem muito por causa da alta quantidade de nuvens. Nas demais áreas, a chuva ocorre de forma mais pontual, à tarde, e a temperatura fica elevada.

NORDESTE

Quarta-feira sem previsão de chuva no Nordeste. O sol aparece em todos os estados da região e eleva bastante as temperaturas no período da tarde. É possível que Teresina registre recorde de maior temperatura do ano.

NORTE

A chuva migra para o oeste da região Norte e o tempo aberto predomina no Amapá, Tocantins e quase todo o Pará. Com sol o dia todo, o calor é intenso. Já, no Amazonas, é o oposto: o estado recebe as chuvas mais fortes da região nesta quarta e a temperatura não sobe em alguns municípios.

Fonte : Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *