Certificação traz renda e qualidade

A certificação das unidades armazenadoras é o caminho para assegurar a qualidade da safra colhida e potencializar renda ao produtor. A posição foi defendida ontem por especialistas na 43 etapa do Fórum Permanente do Agronegócio, que abordou o impacto da cobrança das normas previstas na IN 41 e IN 29. O superintendente de Armazenagem da Conab, Rafael Borges Bueno, destacou que as regras de gestão, sanidade e segurança que passaram a ser exigidas de unidades armazenadoras têm como objetivo final o ganho, seja para o produtor, consumidor, seja para o país. ‘A intenção é modernizar as atividades de guarda e armazenagem, atendendo a padrões mínimos, para agregar renda ao armazenador e ao setor.’ Precisam da certificação produtores que são pessoa jurídica e prestam serviço a terceiros e ao governo.

No RS, há 4.824 unidades armazenadoras cadastradas. Destas, apenas 278 são certificadas, que correspondem a 5 milhões de t. Ainda assim, o Estado é o que tem mais armazéns certificados no país.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *