Caveira de burro

Sem a votação do novo Código Florestal, o decreto que suspende as multas aos desmatadores deve ser mais uma vez prorrogado. É o que tem ocorrido nos últimos dois anos. De prorrogação em prorrogação afinal, não seria justo punir produtores enquanto se discute a nova lei , Congresso e governo vão empurrando com a barriga a definição do marco legal que pode garantir o direito de produzir e a preservação do ambiente.
A vinculação da votação do código com a da Lei Geral da Copa até agora não se mostrou uma boa estratégia para resolver o impasse. Não será surpresa se a Lei Geral da Copa for votada e a do código permanecer na fila de espera.
Outras leis tão ou mais importantes para o país foram votadas a toque de caixa. Nenhuma lei enfrentou tantas dificuldades para ser aprovada na história recente do país quanto o Código Florestal. Tem caveira de burro enterrada aí.

Fonte:  Zero Hora | OLHAR DO CAMPO | Irineu Guarnier Filho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.