Canais de atendimento serão abertos para evitar deslocamento de produtores no RS

Secretaria da Agricultura promete reeditar iniciativa utilizada durante a greve de telefone e e-mail para receber demandas

23/03/2020 – 05h50minAtualizada em 23/03/2020 – 05h50min

A partir de hoje, a Secretaria da Agricultura reedita serviço de apoio ao produtor. Haverá equipe da pasta direcionada para responder demandas que chegarem  por telefone, WhatsApp e e-mail (veja abaixo).

– O objetivo é dar maior agilidade e fluxo às demandas dos produtores. Foi uma medida que adotamos na greve e que deu certo – pondera Antonio Carlos de Quadros Ferreira Neto, diretor do Departamento de Defesa Agropecuária da pasta. 

Na sexta-feira, também houve a prorrogação do prazo para comprovar a imunização do rebanho de bovinos e bubalinos contra a febre aftosa. A data agora passa a ser 30 de abril. O período da aplicação das doses, no entanto, permanece inalterado. Começou no último dia 16 e segue até 14 de abril. 

Preocupados com aglomerações nas inspetorias veterinárias em plena pandemia de coronavírus, fiscais agropecuários solicitaram a suspensão da campanha. Hipótese não cogitada pela secretaria. Segundo Ferreira Neto, a Organização Mundial de Saúde Animal recomenda que as imunizações sejam mantidas.

Fique em casa

  •  O atendimento à distância da secretaria poderá ser feito pelos números (51) 3288-6235 e (51) 3288-6314 e pelos e-mails ddagr@seapdr.rs.gov.br e ddagr@agricultura.rs.gov.br
  • O comprovante da declaração anual de rebanho e a nota fiscal da vacina contra a febre aftosa podem ser enviados por e-mail.
  • Em algumas localidades, as revendas agropecuárias estão fazendo essa tarefa, com o objetivo de reduzir o movimento em inspetorias veterinárias.

Fonte: Zero Hora