CAMPO E LAVOURA – Prevenção com a "leitura" de dados

Em uma nova etapa da parceria firmada entre a Universidade da Carolina do Norte (NCSU), a Secretaria da Agricultura e o Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal (Fundesa), 130 servidores da pasta receberão nesta semana treinamento para uso do aplicativo RabApp. A ferramenta foi desenvolvida pela NCSU, em pesquisa coordenada pelo gaúcho Gustavo Machado.

É a face mais recente do projeto que reforça a vigilância agropecuária por meio da análise de movimentação de animais entre propriedades. Por sua vez, feita com a ajuda de dados e linguagem computacional, que mapeiam pontos de atenção.

Nos últimos dois anos foram analisados dados e criados modelo de disseminação de doenças de animais.

– Neste momento, em que o Rio Grande do Sul retirou a vacina (contra a aftosa) conseguimos antecipar e classificar as propriedades de acordo com o risco – acrescenta Machado.

Gestores da secretaria e coordenadores dos programas foram treinados anteriormente.

gisele.loeblein@zerohora.com.br

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *