CAMPO E LAVOURA | Outra visão para os negócios

Em meio às restrições impostas pelo coronavírus, empresas do agronegócio reforçam o canal de vendas virtual. A fabricante de máquinas Jacto organizou uma feira virtual, entre hoje e amanhã. A programação se espelha em uma exposição real. Com abertura, palestras com especialistas e canal de vendas, além de um lançamento.

– O momento pelo qual passamos acelerou o processo de implementação de ferramentas digitais. E existe um ambiente mais propício. As pessoas estão mais abertas a essas formas de interação – avalia Wanderson Tosta, diretor comercial da marca.

Ele também entende que os canais virtuais vieram para ficar e deverão “conviver” com o mundo físico dos negócios do setor:

– Não substituirão o contato, o olho no olho.

Para o ano, a projeção é manter os patamares de 2019. Ainda que a demanda esteja aquecida e os resultados da safra no país sejam positivos, a pandemia impôs outro ritmo à produção. As operações tiveram de ser paralisadas por um período, e 8% dos funcionários estão em casa, em razão da necessidade de isolamento do grupo de risco.

gisele.loeblein@zerohora.com.br

GISELE LOEBLEIN
Fonte: Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *